Avante, como caramujos!

em quinta-feira, dezembro 30, 2010
"No caminho, como se olhasse para o chão, pude ver na superfície polida do lajedo um minúsculo caramujo que também seguia em direção à cabana, arrastando com paciência a sua concha.
(...)
Arrastava-se com dificuldade, em linha reta, e parecia disposto a cruzar a entrada, como portador fiel de uma mensagem.
(...)
Vi que ele não se detinha ante nenhum obstáculo, mas começava a subir a saliência de pedra na soleira, disposto a ir ao fim, cumprir a sua missão.
(...)
Deixava atrás de si um risco úmido e luminoso, marco de vitória da distância vencida, viscosidade que parecia ser sua própria essência largada pelo caminho no esforço extenuante de chegar.
(...)
Há um itinerário certo para bichos como esse, que os faz andar sempre em linha reta, sem ver obstáculos à sua frente. Há um ponto remoto a atingir além da pedra, além da parede e da distância e do tempo. Séculos a fio aquele caramujo se arrastaria sem descanso para chegar ao fundo da cabana, subir a parede, insinuar-se nos interstícios do telhado e descer do outro lado, percorrendo a terra sem que nada o detivesse, ou desviasse de sua rota obstinada, que não o levaria a lugar nenhum."

(Fernando Sabino, em O Homem Feito)

* * *

Acho que essa é a minha última postagem do ano. Então, permitam-me que escreva algumas palavrinhas com desejos de Feliz ano-novo pra vocês.
Hoje comecei a ler O Homem Feito, e muito provavelmente o lerei todo ainda hoje (é um livro curto, com poucas páginas, mas com grande significado em cada um delas; um exemplo é esse trecho que postei aqui).
E a minha mensagem pra vocês, meus sinceros votos, é que você sejam como caramujos, obstinados em suas missões, fiéis aos seus sonhos e objetivos; que nunca se detenham diante de nada e de ninguém. Mas, diferentemente do caramujo do livro, desejo que vocês cheguem a algum lugar, ao lugar a qual vocês queiram chegar, sonham em chegar, ambicionam em chegar. Ainda que vocês não saibam ainda que lugar é esse, vão, caminhem; logo vocês hão de descobrir.
Sintam-se abraçados por mim, obrigada por lerem a mim e as meninas durante todo esse ano. Nos veremos em breve.

Hasta la vista, pueblo devaneado!

(Erica Ferro)

2 comentários:

''Tay' disse...

Feliz Ano Novo ^^

bjus =*

Rebeca Postigo disse...

Adorei os trechos que li...
Feliz ano novo pra vocês meninas...
Amei ter a companhia de vocês e seus escritos durante esse ano...
Espero que 2011 nos reserve grandes surpresas...

Bjs

 
imagem do banner Design