Será que você ainda pensa em mim?

em sábado, maio 30, 2009
"Eu procuro por você, seja nos meus sonhos ou na realidade. Por muito tempo você foi sonhado estando do meu lado, na realidade. Não deixei que minha mente se apropriasse de você real, mas você sonho continua em pensamento. Eu procuro por você em todos os cantos e lugares, por onde sorrimos, por onde choramos, por onde vivemos.
Ouvi dizer hoje que as pessoas só tem um sentido real de verdade por aquilo que são capazes de morrer, você foi e continua sendo meu sentido. E ainda, disseram para mim que alguém só se levanta da cama todos os dias porque vê algum sentido em sua vida, mesmo sem saber que sentido é esse. Você, sinceramente, acha o fato de ser meu sentido, minha razão, pouco?
Eu sinto sua falta, tudo me lembra você. Lembro das suas mãos, dos seus gestos, sorrisos e caras feias como se pudesse tocá-los enquanto vejo. Seu cheiro não desgruda de mim.
Tantos risos perdidos na minha memória, que me pegam de surpresa quando estou afogada em pensamentos daqueles dias que não voltam.
Aqueles dias, tantos os dias que chorei de saudade. O céu, o sol e a lua sabem do que eu estou falando, os dias que senti falta de ti. E os dias que sinto falta de ti. Tais dias não esquecerão o quanto eu te procurei, e te procuro. E quantas lágrimas ainda caem dos meus olhos ao te buscar e não te encontrar em canto algum. Cadê o homem do meu sonho? E o homem da minha realidade?
Eu sinto e senti sua ausência.
Eu estou em fase de recuperação.
E estou mais forte do que nunca.
Decidi sonhar, mas deixar a realidade ditar suas regras também. Dar espaço para que o real possa acontecer.
Eu não sou a mulher dos sonhos, eu posso ser sonhada, mas é difícil ser sempre como você me idealizou. Sinto muito por isso.
Sinto sua falta. E gostaria que soubesse disso... E é só.
Ps- Eu te amo."


Letícia Christmann

2 comentários:

Erica Ferro disse...

"Cadê o homem do meu sonho? E o homem da minha realidade?
Eu sinto e senti sua ausência.
Eu estou em fase de recuperação.
E estou mais forte do que nunca.
Decidi sonhar, mas deixar a realidade ditar suas regras também. Dar espaço para que o real possa acontecer.
Eu não sou a mulher dos sonhos, eu posso ser sonhada, mas é difícil ser sempre como você me idealizou. Sinto muito por isso.
Sinto sua falta. E gostaria que soubesse disso... E é só."

Muito lindo, Lê!
Me identifiquei muito com esse texto, pode crer!

Gata! ♥

Aline disse...

Lê que texto mais fofo..!
Euu ameii
ehh eu me sinto assim as vezes tbm..!
PUTA VIDA INJUSTA MEU!

 
imagem do banner Design