A Outra Metade

em quarta-feira, abril 28, 2010
Um dia olhei nos olhos da minha outra metade e chorei.
Chorei por medo de perdê-la!
E a perdi.
Na verdade, a mandei embora.
Falta algo, falta tudo.
Tem muito vazio.
Tropeço em meus próprios passos.
E choro mais.
Principalmente agora,
que percebi desprezar minha outra metade.
Hoje, sou feita só de uma parte.
E o nome dela é saudade.
(Karol Coelho)

6 comentários:

Erica Ferro disse...

Também corre poesia em tua veia.
Beijo.
^^

Letícia disse...

Porque quando desprezamos parte de nós mesmos, a que sobra, por mais bela que seja, dói.

Lindo Karol!

Kenny Rogers disse...

NOSSAA, lindo

Penélope Dáquila disse...

Que liiindo Kaaa!!!

Rebeca Postigo disse...

Que lindo!!!
Flor...
Simplesmente perfeito!!!
Amei!!!

Bjs

Kenny Rogers disse...

texto mto bonito, =( ...

 
imagem do banner Design