Camaradas d'água

em sábado, março 21, 2009
Camarada, d'onde vem essa febre
Nossa alegria breve
Por enquanto nos deixou
Camarada, viva a vida mais leve
Não deixe que ela escorregue
Que te cause mais dor
Caixa d'água guarda a água do dia
Não cabe tua alegria
Não basta pro teu calor
Viva a tua maneira
Não perca a estribeira
Saiba do teu valor
E amanheça brilhando mais forte
Que a estrela do norte
Que a noite entregou
Camarada d'água
Fique peixe de manhã, de madrugada
Fique toda hora que for
Você é riacho
E acho que teu rio corre pra longe do meu mar
Mar marvado seria o rio
Que correndo do meu riacho
Levaria o que acho
Pra onde ninguém pode achar
Como pode um peixe vivo viver fora da água fria?
Como poderei viver
Como poderei viver
Sem a tua, sem a tua, sem a tua companhia?
Viva a tua maneira
Não perca a estribeira
Saiba do teu valor
E amanheça brilhando mais forte
Que a estrela do norte
Que a noite entregou

Camarada D'água - O Teatro Mágico

Postado por Letícia Christmann


Um comentário:

anjinha disse...

♪ Como pode um peixe vivo viver fora d'água friaa.. como pode um peixe vivo viver fora d'água fria.. COMO PODEREI VIVER? COMO PODEREI VIVER? SEM A TUA SEM A TUA SEM A TUA COMPANHIIA... ♫... fazem parte do meu Diaa.. AMOO VOCÊS DEMAIIISS.. ♥

 
imagem do banner Design