Silêncio compreendido

em terça-feira, julho 27, 2010
A gente se compreende em silêncio
Nossas palavras são os olhares, profundos
Nosso carinho é escondido,
sentido num abraço, num simples gesto
Nos falamos com beijos pesados... leves, intensos e serenos
Nos entendemos com o sentir do pulsar dos nossos corações
Nos sentimos com nosso suor inquieto
Caminhamos juntos sem precisarmos dar as mãos

A gente se gosta baixinho
Nem precisamos dizer algo
Em nosso silêncio preenchemos nosso vazio,
compreendemos nossos desejos,
acertamos nosso caminho.

(Karol Coelho)

5 comentários:

Letícia disse...

E isso é amor...

Kenny Rogers disse...

lindas palavras me remete saudade

Jééh disse...

lindo, lindo...adorei *--*

Taw disse...

Ah... véia, na minha opinião não pode haver conexão melhor... mesmo sem palavras conseguir entender o outro... isso é realmente muito bom!

Erica Ferro disse...

Caminhando juntos, cultivando o mesmo amor, sendo uma só poesia.

Belo!

=*

 
imagem do banner Design